Vacinação obrigatória para os trabalhadores dos serviços de saúde


Existem vacinas obrigatórias para os trabalhadores dos serviços de saúde que são estabelecidas na legislação, mas muitos desconhecem que no PCMSO podem estar estabelecidas outras vacinações especificamente para o pessoal do seu laboratório.

 

A Norma Regulamentadora NR 32, da Secretaria do Trabalho/Ministério da Economia estabelece: A todo trabalhador dos serviços de saúde deve ser fornecido, gratuitamente, programa de imunização ativa contra tétano, difteria, hepatite B e os estabelecidos no PCMSO.

 

A Norma Regulamentadora NR 7, do mesmo órgão, trata do Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO) e determina que compete ao empregador indicar o Médico do Trabalho (ou Serviço Médico Especializado em Medicina do Trabalho) como responsável pela elaboração do PCMSO.

 

Portanto, é o Médico do Trabalho que estabelecerá quais vacinas serão obrigatórias para os profissionais do seu laboratório.

 

Para algumas regiões do Brasil, por exemplo, a vacinação contra a Febre Amarela é recomendada e o Ministério da Saúde estabelece para quais municípios neste documento.

 

A vacinação contra a influenza (H1N1) inclui os trabalhadores da saúde no seu público-alvo e o Médico do Trabalho pode indicar obrigatoriedade para os laboratórios do sul do país, por exemplo, que têm comumente um inverno mais rígido.

 

Então aproveite essa dica, leia seu PCMSO, revise os seus registros e mantenha tudo atualizado!

 

Acesse as novas NR 32 (de 30/07/19) e a NR 7 (de 09/03/20) aqui.



Published: 07/02/2020

Inscreva-se





Restricted Area