Biólogos tentam criar vacina contra malária a partir de alga


EUA - Biólogos da Universidade da Califórnia, na cidade de San Diego, tiveram sucesso em modificar uma espécie de alga a ponto de produzir um potencial candidato para uma vacina contra a transmissão do parasita causador da malária. A conquista pode criar o caminho para desenvolver uma forma menos custosa para proteger bilhões de pessoas contra a doença.

A malária afeta mais de 225 milhões de pessoas mundialmente, em áreas tropicais e subtropicais, causando febre, dores de cabeça e, em casos mais graves, leva à morte. O uso de alga para produzir proteínas da malária ativou anticorpos contra o protozoário Plasmodium falciparum em ratos de laboratório. O resultado foi publicado esta semana na versão online da revista científica PLoS ONE.

Parte da dificuldade em criar a vacina contra a malária ocorre porque é necessário encontrar um método para produzir proteínas complexas e tridimensionais, as quais reproduzam aquela produzida pelo parasita. A maioria das vacinas criadas a partir de bactérias modificadas vem de proteínas simples, que induzem o sistema imunológico do corpo a produzir anticorpos contra os micróbios invasores.

No caso do estudo americano, os biólogos buscaram produzir a proteína da vacina contra a malária com a ajuda de uma alga comestível, a Chlamydomonas reinhardtii, amplamente usado em laboratórios.

fonte:  http://oglobo.globo.com/saude/biologos-tentam-criar-vacina-contra-malaria-partir-de-alga-4937680#ixzz1vcc5kOm0 


Publicado em: 10/4/2015

Inscreva-se





ÁREA RESTRITA