Teste em gene de glóbulos brancos identifica risco de câncer de mama


Cientistas financiados por uma organização britânica de combate ao câncer de mama descobriram que o risco da doença está fortemente associado à alteração em um gene específico dos glóbulos brancos. O estudo abre chance para que uma mulher tenha o nível de risco à doença diagnosticado com um simples teste de sangue.

Os pesquisadores analisaram amostras de sangue de 1.380 mulheres de idades distintas, 640 das quais já desenvolveram câncer de mama, e provaram que a modificação molecular do gene, identificado pela sigla ATM, tem relação com este tipo de câncer. A explicação sobre por que o risco de câncer de mama está associado à mudança em um gene do glóbulo branco ainda não existe.


Os exames nas amostras de sangue identificaram a alteração genética três anos antes do diagnóstico de câncer de mama, na média. Em alguns casos, a antecipação ao desenvolvimento da doença foi de 11 anos. De acordo com a pesquisa, os resultados foram ainda mais esclarecedores para mulheres com menos de 60 anos. O gene ATM também está associado a outros tipos de câncer, como o linfoma e a leucemia. O teste de sangue, combinado com outras informações, como o histórico familiar, pode ajudar a identificar mulheres que podem se beneficiar em uma ação preventiva.

Fonte: http://oglobo.globo.com/saude/teste-em-gene-de-globulos-brancos-identifica-risco-de-cancer-de-mama-4783787


Publicado em: 10/4/2015

Inscreva-se





ÁREA RESTRITA